Fórum vinculado ao site www.idris.com.br para debates, fanfics e RPG.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Quarto de Marie LaFleur

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Sarah Lovelace
Administração.
avatar

Mensagens : 710
Data de inscrição : 15/05/2011
Idade : 22
Localização : NY

MensagemAssunto: Quarto de Marie LaFleur   Qua Out 05, 2011 4:57 pm

-

_________________

I wanna see your peacock,
OMG, no exaggeration Boy all this time was worth the waiting, I just shed a tear I am so unprepared You got the finest architecture End of the rainbow looking treasure Such a sight to see And this all for me --------- ♥️
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 10, 2012 10:54 pm

Marie entrou no quarto fechando a porta com o peso da mala que Chris já tinha colocado para dentro. O ambiente era impessoal, como ela já esperava, mas nada que demorasse a adquirir a sua cara depois de uma ou duas semanas. Arrastou a mala até perto da cama, e se deitou sobre a colcha, fechando os olhos. Pelo Anjo, como estava cansada. E como sentia desesperadamente a falta de sua tutora. Sentiu lágrimas fugindo do canto de seus olhos e como se viu sozinha pela primeira vez em algum tempo, permitiu-se chorar sem reservas.

Depois de um longo tempo de lágrimas, levantou-se penosamente, indo até o banheiro da suíte e lavando o rosto e os resquícios de maquiagem borrada dali. Já tinha se molhado mesmo, então resolveu entrar no chuveiro e tomar um banho para se recompôr, já que Chris queria a presença de todos na Biblioteca dali a... alguns poucos minutos.

_Isso, Marie, atrasada no primeiro dia
. - murmurou para si mesma, enrolando uma toalha no corpo com pressa. Já não tinha passado uma boa impressão, demorando então é que as coisas não ficariam boas!

Abriu a mala e pegou a roupa que estava por cima, ainda que detestasse escolher o vestuário correndo. Colocou o vestido roxo e calçou um par de sapatilhas beges. Penteou os cabelos molhados e por fim maquiou-se novamente. Se corresse, não chegaria muito atrasada...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Dom Jan 15, 2012 5:39 pm

Assim que Chris, o modelo Calvin Klein disfarçado de instrutor, liberou todos os Nephilins – exceto Sarah, que Marie mentalmente chamava de “Loira Ladra de Gatos” – para saírem da Biblioteca, a francesa decidiu que o melhor era descansar e preparar os ânimos para o início do treinamento, na manhã seguinte. Não que estivesse reclamando, afinal sentia mesmo falta de treinar... Mas também sabia que precisava de boas horas de seu sono de beleza para que a pele estivesse apresentável no dia seguinte. Assim como o corpo em condições de se exercitar. Saiu, portanto, sem aguardar por mais instruções que pudessem a prender ali.

Dirigiu-se para o quarto desejando “boa noite” para os companheiros de Instituto por quem passava antes de ir para o quarto que lhe fora designado, a suíte em frente à que Cameron, a simpática Nephilin morena, estava.

_Boa noite, chèrie. – Marie cumprimentou a morena com um adeusinho enquanto bocejava, fechando a porta atrás de si. Não sentiu necessidade de trancar a porta, e dirigiu-se então para a cama, sentando-se na beirada do colchão enquanto se abaixava para pegar pijamas na mala, onde todas as suas roupas ainda estavam. Entrou no banheiro e tirou o vestido que usava, trocando-o pelo shortinho e a camiseta do baby doll vermelho. Prendeu os cabelos castanhos em um rabo de cavalo enquanto escovava os dentes, até finalmente poder apagar as luzes e se deitar para um merecido dia de descanso.

Passaram-se quinze, talvez vinte minutos, e a morena já estava quase adormecida. Os pensamentos já estavam desconexos, vagando entre a chegada no Instituto, o enterro da tutora, a discussão com Sarah, o encontro com Chris, o verão em Paris na companhia de Nate... Nate. Ele era um dos caras mais inacreditavelmente inesquecíveis que Marie conhecia. Tinha o dom das palavras, um charme incomparável, e ela nunca se esqueceria de como eles pareciam se conhecer há séculos desde o primeiro dia. Era tudo sobre ele, desde o sorriso de canto, até o perfume inconfundível. E que perfume... Ela era capaz de lembrar do cheiro só de pensar nele. Só não se comparava à sensação de beijá-lo. E desta ela também se lembrava perfeitamente. Podia até mesmo... sentir.

A morena arregalou os olhos, deparando-se com um flash de sorriso muito próximo aos seus lábios recentemente beijados.

_Nate? – ela gritou/sussurrou, antes de ser calada por lábios conhecidos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Dom Jan 15, 2012 6:30 pm

OFF: *fiz m., arrumando*


Última edição por Marie LaFleur em Dom Jan 15, 2012 7:25 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nate Rockwell

avatar

Mensagens : 102
Data de inscrição : 04/10/2011

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Dom Jan 15, 2012 7:24 pm

Quando vi Marie saindo da Biblioteca, não houve como não ir atrás. Precisava falar com ela... Conversar direito, sem ninguém por perto. Acabei demorando tempo demais preso entre uma conversa e outra, mas logo me descobri qual era o quarto dela. Ergui um punho para bater na porta, mas logo percebi que esta se encontrava encostada. Empurrei lentamente a porta, deparando-me com a luz já apagada, e um pequeno volume sob as cobertas. Não impedi um sorriso, e me aproximei da morena adormecida.

Passei os dedos lentamente pela bochecha da menina, tentando acordá-la o mais delicadamente possível. É, eu ficava estupidamente cuidadoso perto daquela francesinha maluca. Como ela não acordou, apenas franzindo o nariz de modo divertido, passei a brincar com os cabelos dela, sem sucesso. Quase ri. Não era possível que ela tinha o sono assim pesado. Aproximei-me até que nossos rostos estivessem a uma distância ínfima. Marie se moveu na cama, ainda adormecida, e seus lábios roçaram nos meus acidentalmente. E aí... bem, aí não houve nada o que eu pudesse fazer para me controlar. Ela não correspondeu ao beijo, e eu ri, me afastando um pouco, percebendo que ela não tinha acordado. Quando seus olhos se abriram, sonolentos e confusos, ela me encarou, surpresa.

_Nate? – ela tentou dizer, mas não deixei que terminasse. Cobri seus lábios com os meus e desta vez ela correspondeu satisfatoriamente, ainda que atordoada. Entrelacei meus dedos nos cabelos dela, trazendo-a mais pra perto, movendo meus lábios nos dela até que ela suspirasse baixo, me fazendo rir.

_Senti saudades, francesinha...
– murmurei a um centímetro da boca dela, a abraçando quando ela partiu o beijo enquanto se esforçava para sentar na cama. Ela respirou fundo, ofegante, revirando os olhos.

_Rock, sai daqui. – pediu, me empurrando de leve, com seus modos diretos e sem rodeios. As mãos dela em contato com o meu peito fez com que eu tentasse beijá-la mais uma vez – Não era pra você estar aqui à noite. – explicou, mantendo a distância segura, enquanto buscava normalizar a satisfação. Foi a minha vez de revirar os olhos. Dei um beijo rápido nos lábios dela, e quando ela parecia começar a aproveitar, passei então a distribuir selinhos pelo rosto e beijos pelo pescoço, jogando como ela gostava.

_Tem certeza? – perguntei, a boca colada à orelha dela, sentindo um arrepio na nuca da morena.

_Aham. – ela murmurou, enquanto parecia se decidir se me puxava ou me empurrava – Vai, Nathan... – pediu mais uma vez, sendo novamente ignorada já que aquela voz sussurrando me deixava fora de mim. Beijei-a novamente, colocando-a de volta na cama, e ela finalmente cedeu, beijando-me como antigamente, por um longo tempo. Parei por um momento, arfando, e ela sorriu de modo característico, me empurrando de cima dela alguns centímetros - Agora que já matou a saudade... – ela murmurou, mordendo meu lábio provocativamente com um enorme sorriso – Pode ir. – completou, piscando. MALDITOS JOGOS.

_Marie... – tentei reclamar, mas ela já tinha se levantado, saindo do meu alcance, enquanto me puxava pelo braço para fora de seu quarto – Petit... – insisti, e ela riu, abrindo a porta e me colocando pra fora. Agarrei-a mais uma vez, dando-lhe um beijo longo, que só terminou porque ela me empurrou novamente.

_Vai, seu louco.
– disse, rindo.


Última edição por Nate Rockwell em Qua Jan 18, 2012 10:44 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Laylla

avatar

Mensagens : 90
Data de inscrição : 05/08/2011
Idade : 23

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Seg Jan 16, 2012 8:30 am

OFF: OMG, que safado!!! kkkkkkk
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Seg Jan 16, 2012 9:07 am

OFF: vai vendo o que arrumou pra ti, Laylla! UHUAHUUHAUHA
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Laylla

avatar

Mensagens : 90
Data de inscrição : 05/08/2011
Idade : 23

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Seg Jan 16, 2012 12:59 pm

off: medo!!! auhsuasuuahsuah
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Seg Jan 16, 2012 2:18 pm

OFF.: precisa ter medo não, ele é um fofo! ;D
E a Cam vai pegar os dois também pra acabar com a alegria da moçada! HAHAHA
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Laylla

avatar

Mensagens : 90
Data de inscrição : 05/08/2011
Idade : 23

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Seg Jan 16, 2012 3:03 pm

off: rsrsrsrs
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexandra Roberts

avatar

Mensagens : 271
Data de inscrição : 18/09/2011
Localização : New York

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Seg Jan 16, 2012 11:51 pm



Eu fui para o meu quarto descansar, e tentar dormir um pouco, mas estava demasiado inquieta para realmente pegar no sono. Minha mente continuava voltando para a noite em que meus pais morreram. Sentia muita falta deles.

Por fim, decidi arriscar e ver se Marie ainda estava acordada, tentar conversar com ela por um minuto. Talvez me ajudasse. O quarto dela era bem em frente ao meu, e ela foi bem simpática ao me desejar uma boa noite de sono antes.

Saí da cama e, mesmo de pijamas, cruzei cuidadosamente o corredor até a porta do quarto dela. Bati de leve, mas não obtive resposta. Tive a sensação de que ela não estava dormindo, no entanto.

Quando ia abrir a porta e entrar no quarto dela, a porta se abriu sozinha. De dentro do quarto, saia Nathan Rockwell, o cara com que ela aparentemente havia tido algo no passado.

- O que diabos você está fazendo aqui? – perguntei para ele, que estava surpreso.

Olhei para dentro do quarto e Marie estava sentada na cama, corada como uma pimenta. Oops. Mas, bem, o que acontecera?



tag: Marie, Nathan ! place: quarto de Marie ! wear: pijamas ! music: Adele – Someone Like You ! credits: JOÃO AT TDN AND OPS

»what the hell?



Última edição por Cameron Clovery em Ter Jan 17, 2012 10:14 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://anexorcistgirl.tumblr.com/
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 8:49 am

OFF.: uahsuasuhaush OOOOOOPS!
adooorei!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 9:13 am

Pelo Anjo! Era por isso que Nate Rockwell nunca poderia ficar na mesma casa que ela. Nesse exato momento, Marie estava roxa de vergonha encarando a porta, onde Cameron estava tentando entender o que Nate fazia ali no meio da noite.

_O que diabos você está fazendo aqui? – a morena perguntou ao garoto, franzindo o cenho.

Antes que ele pudesse ter a chance de respoder (e falar alguma coisa imrpópria, como seria de costume), Marie se adiantou para a porta, respirando fundo.

_Ele já tava saindo, Cam... – explicou – Veio aqui só me entregar uma coisa... – mentiu, ajeitando os cabelos.

_É... – Nathan confirmou e Marie olhou para ele, levemente surpresa. Mas então percebeu seu sorriso descarado – Entregar um beijo de boa noite. – completou, e ela finalmente reconheceu a atitude digna de Rock.

_Cala a boca. – murmurou, mas ele já tinha fechado seus braços em torno da cintura dela, puxando-a para perto na busca por mais um beijo. O que Cameron devia estar pensando? Marie não queria nem saber, ia ter que explicar tudo para a menina para que ela não a levasse a mal. Antes que Rock pudesse alcançar sua boca, ela cerrou os punhos, e os posicionou no peito dele – Mais um centímetro, e eu acabo com sua capacidade de procriar. – avisou, fazendo o garoto abrir os olhos – Vai embora, Nate. Se o instrutor te pega aqui eu tô ferrada... – mandou, afastando-se para que pudesse pensar melhor. Ele pareceu confuso, mas obedeceu depois de alguns segundos.

_Boa noite, Cameron. – desejou o rapaz – Boa noite, pètit. Sonhe comigo. – completou, piscando um dos olhos verdes, fazendo Marie suspirar inconscientemente.

_Droga. – ela murmurou – Vem, Cam... – chamou, puxando a menina pelo braço – Agora eu não vou conseguir dormir mais...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexandra Roberts

avatar

Mensagens : 271
Data de inscrição : 18/09/2011
Localização : New York

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 10:17 pm



– Ele já tava saindo, Cam. Veio aqui só me entregar uma coisa... – ela disse, ajeitando os cabelos.

– É... Entregar um beijo de boa noite. – Marie murmurou um “Cala a boca”, mas Nathan já tinha fechado os braços na cintura dela e a estava beijando. Cameron estava pasma. Que merda, como aqueles dois podiam fazer aquilo ali mesmo no Instituto? Não havia regras sobre isso?

– Mais um centímetro, e eu acabo com sua capacidade de procriar. Vai embora, Nate. Se o instrutor te pega aqui eu tô ferrada... – Nathan obedeceu de má vontade.

– Boa noite, Cameron. Boa noite, pètit. Sonhe comigo. – Cameron pode ver que Nathan piscou um olho para Marie, e que esta suspirou, consciente ou não disso.

– Droga. Vem, Cam. – Marie a puxou pelo braço. – Agora eu não vou conseguir dormir mais...

Cameron sentou-se ao lado dela na cama fofa e desarrumada, depois que Nathan havia saído do lugar fechando a porta. Olhou para a amiga com olhos acusadores.

– Agora que ele saiu, será que dá pra você me explicar o que diabos acabou de acontecer? Por que Nathan Rockwell estava no seu quarto? Por que ele beijou você? Eu quero dizer, é óbvio que vocês tiveram alguma coisa no passado, mas isso já não acabou?

Cammie estava curiosa e abismada. Queria respostas, e rápido. E era melhor que Marie as desse, pois do contrário, ela teria que arrancá-las da garota.



tag: Marie ! place: quarto de Marie ! wear: pijamas ! music: Pixie Lott – Broken Arrow ! credits: JOÃO AT TDN AND OPS

»what the hell?

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://anexorcistgirl.tumblr.com/
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 10:20 pm

Off.: UAHHUAHUHUAHUA
Adooooorei, como sempre!
"Que merda, como aqueles dois podiam fazer aquilo ali mesmo no Instituto? Não havia regras sobre isso?" ---> Ops! será? UAHUAHUAUHAHUA
Mas se existirem, um certo instrutor está ocupado com a Sarah, então... /lixa
UAUHAHUAHUHUAHUAHU

Posto agora mesmo, girl! ameiiii
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 10:35 pm

Droga. Droga. Droga. Maldito Nathan. Maldita lábia. Maldito poder de tirar a cabeça de Marie do prumo. Maldito, maldito, maldito! Era certo que agora Cameron pensava que ela era uma bela biscate. Assim que as duas se sentaram na cama, Marie abaixou a cabeça, prendendo os cabelos novamente, já que eles deviam estar uma zona. Cameron a encarava com uma expressão que ela não conseguia ler, só percebia que a menina estava chocada.

_Agora que ele saiu, será que dá pra você me explicar o que diabos acabou de acontecer? Por que Nathan Rockwell estava no seu quarto? Por que ele beijou você? Eu quero dizer, é óbvio que vocês tiveram alguma coisa no passado, mas isso já não acabou.

_Tá óbvio assim, é? – ela suspirou fracamente, recebendo um aceno mínimo. Desde o primeiro contato, percebera que Cam era a mais centrada dali, e com quem ela provavelmente colocaria em prática o “confie em mim e confiarei em você”, então decidiu se abrir, algo que não fazia muito – Uma coisa de cada vez, ok? – suspirou – Sim, eu conheço o Nate... Há muito tempo, na verdade. Nós nos conhecemos em Paris, e passamos um verão juntos... Tipo, realmente juntos. – explicou, lembrando-se daquela época – Eu tinha 16, ele 20... E foi fantástico, sabe? Identificação completa desde o primeiro encontro... Só que o verão acabou. O namoro também. E desde então eu nunca mais tinha encontrado com ele... Eu não sabia que ele era um Caçador. Nem ele que eu era uma. – confidenciou – E agora ele tá aqui, e é lógico que eu tô confusa, Cam... Mas a coisa é que eu nunca me apaixonei. Nem mesmo pelo Rock... Só que eu ainda... – ela procurou a palavra certa – Reajo... a ele, entende? Tudo o que nós vivemos foi tão intenso que quando ele entrou aqui e me beijou, eu só consegui beijá-lo também. – completou, envergonhada – E meu medo é que essa coisa toda vá influenciar no nosso trabalho juntos agora que o Chris resolveu nos colocar em dupla... Com toda essa proximidade. – terminou – Porque eu sempre aprendi que uma Shadowhunter não pode se apaixonar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Athena Brenus

avatar

Mensagens : 246
Data de inscrição : 19/07/2011
Idade : 23
Localização : Atlanta

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 10:41 pm

OFF: ERA PRA EU SAIR MAS ESSE TURNO TA MUITO ENGRAÇADO *-*
MORRI

_________________


Athena Brenus


Nephillin New York Sammy's cousin

I'm just a girl. I love, I hate and a have dreams just like U Sarah.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 10:46 pm

Off: uhsehuseuhsuhuhseuhseuhesu
Viu, Lill? *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexandra Roberts

avatar

Mensagens : 271
Data de inscrição : 18/09/2011
Localização : New York

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 11:01 pm

OFF: sim, eu vi. já estou escrevendo o post da Cam ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://anexorcistgirl.tumblr.com/
Alexandra Roberts

avatar

Mensagens : 271
Data de inscrição : 18/09/2011
Localização : New York

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 11:36 pm



– Tá óbvio assim, é?

Ela suspirou fracamente, e Cam deu um aceno mínimo de cabeça. Marie ficou calada por um segundo, talvez ponderando se contaria tudo ou não. Pareceu decidir que sim, então, começou a falar.

– Uma coisa de cada vez, ok? Sim, eu conheço o Nate... Há muito tempo, na verdade. Nós nos conhecemos em Paris, e passamos um verão juntos... Tipo, realmente juntos. Eu tinha 16, ele 20... E foi fantástico, sabe? Identificação completa desde o primeiro encontro... Só que o verão acabou. O namoro também. E desde então eu nunca mais tinha encontrado com ele... Eu não sabia que ele era um Caçador. Nem ele que eu era uma. E agora ele tá aqui, e é lógico que eu tô confusa, Cam... Mas a coisa é que eu nunca me apaixonei. Nem mesmo pelo Rock... Só que eu ainda... Reajo… a ele, entende? Tudo o que nós vivemos foi tão intenso que quando ele entrou aqui e me beijou, eu só consegui beijá-lo também. E meu medo é que essa coisa toda vá influenciar no nosso trabalho juntos agora que o Chris resolveu nos colocar em dupla... Com toda essa proximidade. Porque eu sempre aprendi que uma Shadowhunter não pode se apaixonar.

Depois de ouvir toda aquela história, Cameron não sabia o que dizer. Queria repreender a garota, mas também queria confortá-la. No final, acabou optando por nenhuma das duas opções.

Cammie percebeu que Marie não estava bem. Tinha a sensação que que ela estava engolindo o bolo na garganta para não chorar. A garota tinha sido muito próxima de Nathan, mas eles ficaram tanto tempo sem se ver, e depois, se reencontrarem assim, de repente. E ainda teriam que trabalhar juntos. Marie devia estar apavorada com isso. Cameron sabia que ela tinha medo do que poderia acontecer.

Por fim, nada disse, apenas abraçou a amiga. As duas ficaram sentadas quietas por alguns minutos, mas Cammie não aguentou o silêncio e teve de quebrá-lo.

– Marie, você tem alguma ideia do que vai fazer? Eu quero dizer, não podemos fazer nada sobre a decisão de Christopher, mas você não pode se manter longe dele? Digo, longe de Nathan.

Valia a pena a tentativa, embora Cam tivesse quase certeza da resposta dela.



tag: Marie ! place: quarto de Marie ! wear: pijamas ! music: Pixie Lott – Use Somebody ! credits: JOÃO AT TDN AND OPS

»what the hell?

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://anexorcistgirl.tumblr.com/
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 11:39 pm

OFF: *-* Owwwn!
olha issoo! to com sono, mas não vou dormir se não responder! uhauahuhahua
10 minutinhos! Very Happy


Última edição por Marie LaFleur em Ter Jan 17, 2012 11:50 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexandra Roberts

avatar

Mensagens : 271
Data de inscrição : 18/09/2011
Localização : New York

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 11:40 pm

OFF: ok. e vc esqueceu de colocar OFF antes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://anexorcistgirl.tumblr.com/
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Ter Jan 17, 2012 11:49 pm

Marie terminou de falar e aguardou por alguma reação de Cameron... Não sabia bem o que esperava, mas a atitude da morena foi, surpreendentemente a melhor que ela poderia ter tido. Cammie não perguntou nada a princípio, apenas... a abraçou. E Marie se deixou ser abraçada... acolhida. Sentia medo, receio, e pela primeira vez em muito tempo, era reconfortada por alguém – afinal, Sra. Greengrass era ótima, mas muito, muito rígida. Ela engoliu o choro, porque aquilo era demais. Cameron não era obrigada a ter que vê-la chorando como uma idiota. Ninguém era. Ela nunca chorava em público.

_Marie, - a voz de Cammie quebrou o silêncio do quarto, fazendo a francesa parar de divagar – você tem alguma ideia do que vai fazer? Eu quero dizer, não podemos fazer nada sobre a decisão de Christopher, mas você não pode se manter longe dele? Digo, longe de Nathan.

Marie sorriu de canto, encarando Cameron por um momento, considerando a pergunta.

_Sabe... – ela começou, depois de um suspiro – Tentar fazer o Christopher mudar de idéia eu vou. Por mais cabeça dura que ele possa ser, eu também sou. – completou com uma risadinha – Mas considerando que ele pode (e deve) não atender ao pedido... – suspirou mais uma vez – Cammie, você já teve alguém que... te entendesse... completamente? – perguntou, ajeitando o rabo de cavalo – Eu e o Nate somos iguais, entende? E vai ser tão difícil... Por que eu sei, e como sei, que não vai dar certo... Mas, ao mesmo tempo, eu sei que ele não vai se conformar se eu ficar longe, sabe? E, conhecendo a mim mesma como conheço, não sei se eu... consigo. – terminou, quase num sussurro – Eu acho que ele é a minha fraqueza. – disse, por fim – E isso só prova que o Chris não vai me deixar mudar de dupla, porque ele quer que nós lidemos com ela. – terminou, contrariada – Agora, me explica: por que esse filho da mãe desgraçado de lindo tinha que ser um Shadowhunter? – bufou, antes de cair na risada.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexandra Roberts

avatar

Mensagens : 271
Data de inscrição : 18/09/2011
Localização : New York

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Qua Jan 18, 2012 12:52 am



– Sabe... Tentar fazer o Christopher mudar de ideia eu vou. Por mais cabeça dura que ele possa ser, eu também sou – completou com uma risadinha. – Mas considerando que ele pode (e deve) não atender ao pedido... – suspirou mais uma vez – Cammie, você já teve alguém que... te entendesse... completamente? Eu e o Nate somos iguais, entende? E vai ser tão difícil... Por que eu sei, e como sei, que não vai dar certo... Mas, ao mesmo tempo, eu sei que ele não vai se conformar se eu ficar longe, sabe? E, conhecendo a mim mesma como conheço, não sei se eu... consigo. – terminou, quase num sussurro – Eu acho que ele é a minha fraqueza. E isso só prova que o Chris não vai me deixar mudar de dupla, porque ele quer que nós lidemos com ela. Agora, me explica: por que esse filho da mãe desgraçado de lindo tinha que ser um Shadowhunter? – bufou, antes de cair na risada.

Cameron riu também. Nathan era tão bonito quanto Christopher. Se não mais. Mas ela logo voltou a ficar séria.

– Não, Marie, eu não tive ninguém assim. Imagino como você deve estar se sentindo agora... Não, na verdade, eu não consigo imaginar. Porque eu não tenho ideia do que eu sentiria se estivesse na sua situação. Queria poder entender, mas não consigo.

Cammie queria poder dizer que entendia o sentimento dela, mas a verdade era que não o fazia. Nem um pouco. Por isso, achou melhor sair logo dali e ir para seu quarto tentar dormir um pouco, afinal, o tempo estava passando e se não dormisse ao menos oito horas, ninguém a aguentaria no dia seguinte. Mas quando ia levantar-se, Marie disse algo que deixou Cameron imobilizada.



tag: Marie ! place: quarto de Marie ! wear: pijamas ! music: Peter Bradley Adams - Between Us ! credits: JOÃO AT TDN AND OPS

»what the hell?



Última edição por Cameron Clovery em Qua Jan 18, 2012 2:45 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://anexorcistgirl.tumblr.com/
Marie LaFleur

avatar

Mensagens : 862
Data de inscrição : 23/09/2011
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   Qua Jan 18, 2012 7:42 am

OFF.: olha a Lill me dando tarefa difícil de arrumar uma coisa pra deixá-la imobilizada! hauahuauhauhuha Não curti muito do meu post não, mas acho que dá pro gasto.

– Não, Marie, eu não tive ninguém assim. Imagino como você deve estar se sentindo agora... Não, na verdade, eu não consigo imaginar. Porque eu não tenho ideia do que eu sentiria se estivesse na sua situação. Queria poder entender, mas não consigo.

Marie não pôde impedir-se de se sentir mal ao ouvir de Cammie que ela nunca tinha passado pela experiência de... se apaixonar. Não que ela tivesse sentido tudo isso por Nathan... Só não arrumava outra palavra melhor. Por mais que doesse, por mais que brigassem e ela surtasse dizendo que não queria vê-lo nunca mais, sabia que tudo aquilo – das discussões às risadas – era único. Único como qualquer primeiro namorado é. A morena percebeu que Cameron se levantava da cama, provavelmente indo dormir para agüentar o treinamento no dia seguinte. Tentou morder a língua, mas quando percebeu, já tinha falado.

_Você é a primeira e a única que sabe disso. Depois de dois anos, é a primeira a saber. – soltou de uma vez, encarando então os lençóis, fazendo a outra encará-la, surpresa. – Às vezes eu penso que temos uma vida muito dura, Cammie... Nós, Shadowhunters, eu digo. – comentou, levantando os olhos para a amiga – Minha tutora era uma ótima Caçadora, mas nunca pude dividir nada com ela... Fui treinada sozinha, e meus pais sempre cobraram tanto de mim que achariam a maior tolice do mundo se eu desperdiçasse seu tempo contando sobre meu primeiro beijo, meu primeiro namorado... – completou – Coisa besta não é? Que acontece várias vezes na vida... – completou, irônica – Eu acho que to falando tudo isso só pra que você saiba que... – ela pareceu acanhada, afinal não era algo que fizesse sempre – Você é a primeira pessoa em quem eu confio em muito, muito tempo. – disse, sorrindo – É a primeira amiga que eu tenho em vários anos. Então, eu acho que isso é um "muito obrigada". - completou, abraçando a menina, sem jeito - Agora vamos dormir, vamos... - disse, sorrindo - Que amanhã nós temos treino com o Sr. Delícia, e eu preciso avisar pra ele que ele precisa me trocar de dupla, ou essa coisa aqui vai pegar fogo! - completou rindo - Boa noite, chérie.

ENCERRADO PARA MARIE!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Quarto de Marie LaFleur   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Quarto de Marie LaFleur
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
The Mortal Instruments  :: The Mortal Instruments - RPG :: Instituto de New York-
Ir para:  
Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 25 em Qui Ago 03, 2017 4:06 am
Dezembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
CalendárioCalendário